Publicado em 03/06/2020 por FAP/MG
Notícias da FAP/MG
Associações de aposentados permanecem atentas à pandemia

03/06/2020 - A pandemia do coronavírus continua a preocupar e mobilizar as associações de aposentados e pensionistas de Minas Gerais.

 

Diversas delas continuam com as atividades presenciais suspensas. Outras mantêm regime de plantão, com atendimento restrito.

 

Este é o caso da FAP/MG, que retomou as atividades presenciais a partir de 1º de junho, adotando diversos cuidados de segurança e higienização.

 

A Associação dos Eletricitários Aposentados (AEA) adotou idêntica postura. Na Sede em BH e nos sete escritórios do interior, a AEA está atendendo de 9h30 às 15h30.

 

Mas devem ser respeitados os seguintes requisitos: uso obrigatório de máscaras e higienização das mãos; distanciamento entre as pessoas de, no mínimo, 1,5 metro; evitar aglomerações e permanecer no local apenas o tempo necessário para o atendimento.

 

Já em Divinópolis, a Associação Democrática dos Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas (Admap) permanece fechada.

 

A entidade não tem estrutura para reabrir com segurança, garantindo que não haja contaminação dos diretores e dos associados.

 

Por este motivo, o atendimento administrativo e também as consultas médicas permanecem suspensas.

 


Tanto a FAP/MG como as associações fazem avaliações contínuas sobre a quadro de saúde no Estado e municípios.

 

O objetivo é normalizar as atividades o mais breve possível, permanecendo todos com plena saúde!

 

"Cuidar de cada um de nós e de todos é a prioridade. A vida é o mais importante", adverte Robson de Souza Bittencourt, presidente da FAP/MG.