Notícias

27/06/2013 - Notícias da FAP/MG
Aposentados querem suas reivindicações na boca do povo
por FAP/MG

27/6/2013 - Aposentados, pensionistas e idosos participaram ontem, em Belo Horizonte, das manifestações que reivindicam mudanças gerais no País.

 

Convocados pela Federação dos Aposentados e Pensionistas de Minas (FAP/MG), o grupo começou a se concentrar na Praça Sete, no centro da Capital, por volta do meio dia. A Associação de Aposentados de Juiz de Fora compareceu trazendo os manifestantes em uma van.

 

Os cartazes mostravam palavras de ordem como “aposentado tem que escolher entre comer e tomar remédio”; “Congresso, vote os projetos e os vetos dos aposentados”; “Aposentados nas ruas pelo reajustes dignos e fim do Fator Previdenciário” e “Dilma: ouça e ATENDA também a voz do aposentado”.

 

Robson de Souza Bittencourt, presidente da FAP/MG, liderou o grupo e destacou que “é hora de também os aposentados e pensionistas apresentarem suas reivindicações, visando a dignidade para os atuais 30 milhões de segurados e dar melhor perspectiva para os mais de 50 milhões de trabalhadores, contribuintes da Previdência Social”.

 

Para Robson, mais do que PEC 37, que se transformou numa bandeira geral das manifestações, “mesmo não sendo um tema popular”, projetos de interesse dos aposentados também podem e devem ganhar essa dimensão e serem aprovados, depois de tantos anos tramitando no Congresso. Ele lembrou o projeto de lei que põe fim ao fator previdenciário e o PL nº 4.434/08, que tramita no Congresso desde 2003, podem ser uma das bandeiras mais importantes de todos os aposentados e trabalhadores do país.

 

Pelo projeto 4.434/08, os aposentados e pensionistas terão reajustes anuais progressivos, de modo a recuperar o mesmo número de salários mínimos que tinham na data de concessão do benefício. A proposta demorou cinco anos para ser aprovada pelo Senado e, desde 2008, está pronta para ser votada na Câmara Federal.

 

Este projeto é totalmente constitucional, já recebeu pareceres favoráveis de todas as Comissões pelas quais deveria passar, além de sobrar dinheiro na Previdência, que tem sido desviado pelo Governo Dilma para pagamento de juros da dívida brasileira, além dos bilhões de reais de perdas, provocadas pelas 'desonerações' para grandes empresas concedidas pelo mesmo (irresponsável) governo. "Esta na hora de invester a prioridade e melhorar a situação dos aposentados e pensionistas", completou Robson Bittencourt.

 

Na manifestação de rua, os aposentados circularam carregando cartazes e também fizeram uma “parada estratégica”, numa das ruas em que passava a multidão, formaram a palavra “aposentados”, com onze cartazes em sequência, cada um com uma letra. Todos foram muito aplaudidos, tiraram fotos e receberam adesão de dezenas de idosos que também manifestavam.

 

Da direção da FAP/MG, estiveram presentes também os diretores Primeira Secretária, Vilma da Conceição Dário; Administrativo – Geraldo de Oliveira Souza e Financeiro – Gilson da Costa Matos.

 

Clique AQUI e leia a íntegra do PL 4.434/2008, no site da Câmara.

 

Veja a seguir, fotos da manifestação:

 

Aposentados nas ruas de BH 1

 

Aposentados nas ruas de BH 2

 

Aposentados nas ruas de BH 3

 

Aposentados nas ruas de BH 4

 

 Povo ocupa ruas e praças por Novo Brasil

O povo ocupa ruas e praças - aposentados incluisve - exigindo mudanças nas políticas e nos governantes.

Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Ilone
Pergunto: Por que nao se cria o PARTIDO DOS APOSENTADOS???
Ilone
20/08/2013
Aloynar Freire de Carvalho
Desde dezembro de 2008 o projeto de lei esta engavetado na Camara Federal para colocar em pauta para ser votado o FAmigerado Fim do Fator Previdenciario, e esperamos entra e sai presidenet da camara e ficamos sendo manipulados por eles está na hora exata de acabarmos com essa injustiça social, dinheiro da Previdencia sabemos que existe nosso dinheiro tem que ser devolvido, como os salarios que os Deputados Federais recebem todo o mês.O projeto de lei 4.434/08 foi aprovado pelo Senado Federal em dezembro de 2008 e esta na Camara para ser votado e assinado,são 30 milhões de aposentados, que contribuiram para a Previdencia e o seu beneficio é retirado de 40 a 50% todo mês o que não esta sendo revertido para as suas familias e vão para a onde essa dinheraça toda, 50 milhões de trabalhadores estão contribuindo para a Previdencia, a onde esta essa dinheraça toda ?
Aloynar Freire de Carvalho
28/06/2013
Braz Tadeu Garcia
Não podemos esquecer do PL da desaposentação que mais uma vez o governo federal fez com que o nosso senado o engavetasse também. Olha que beleza! O fim do fator trancado na gaveta da câmara dos deputados e o da desaposentação no senado! Isso é justo? Braz, São João Batista do Glória/MG.
Braz Tadeu Garcia
28/06/2013
A-     A+

PAI do Brasil - Partido dos Aposentados e Idosos

Enquete
Qual a principal reivindicação das mobilizações populares?
Trocar de políticas e de governante
Fim da corrupção
Arquivamento da PEC 37
Mensaleiros na cadeia
Acabar com o Senado, por inultilidade
Votar projetos e vetos dos aposentados
Fim do Fator Previdenciário
Auditoria Cidadã da Dívida Pública
Agenda