Notícias

05/04/2018 - Notícias da FAP/MG
Consultoria do Senado mostra prejuízos que servidores teriam com a reforma da Previdência

05/04/2018 - Estudo realizado por consultores do Senado conclui que servidores públicos das três esferas (União, Estados e Municípios) teriam graves prejuízos caso fossem aprovadas a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016 e a Medida Provisória nº 85. As duas proposições estão no Congresso Nacional e prevêem profundas alterações na Previdência Social.

 

Divulgado neste mês de abril, o estudo mostra as perdas com a mudança de regras, especialmente para trabalhadores que estão mais próximos da aposentadoria. A falta de regras de transição provocaria prejuízos financeiros e quebra de confiança no sistema.

 

Outra conclusão é a má fé do governo nas campanhas milionárias de propaganda, nas quais os servidores foram apresentados como privilegiados. Trata-se de desrespeito ao funcionalismo e à função pública, que tem importância estratégica em todos os países.

 

Os técnicos enfatizam que o Brasil tem 12% da população ocupada em empregos públicos nos três poderes e nos três níveis da federação, enquanto a média dos países ricos da OCDE é de 22% (OCDE, 2010). Ou seja, o Estado brasileiro é relativamente pequeno, ao contrário do que é divulgado.

 

São milhares de funcionários porque o Brasil é uma das maiores economias mundiais e tem população superior a 200 milhões de pessoas, que merecem excelentes atendimentos em áreas como escolas, postos de saúde, segurança, construção e fiscalização de estradas e tantas outras atividades públicas.

 

Para os pesquisadores, a proposta do governo Temer de tentar privatizar o sistema público de previdência, inclusive nos estados e municípios, tem sido uma experiência trágica em outros países. Eles estudaram, por exemplo, o Chile, onde a privatização ocasionou, em curto período, terrível rombo nas contas públicas e perdas para os segurados.

 

Clique e leia a íntegra do estudo AQUI.

Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.
A-     A+

Não à PEC 287

Enquete
Quais as ameças do Governo aos trabalhadores e aposentados?
Reajuste anual abaixo da inflação
Pensões e aposentadoria abaixo do Salário Mínimo
Fixar idade para aposentar aos 65 anos e subir para 75 anos
Retirar recursos próprios da Previdência para pagar dívida
Dificultar e negar pagamento de pensão por morte
Dificultar e negar pagamento de auxílio doença
Cortar investimentos em saúde, educação, segurança...
Todas as opções acima e muitas outras
Agenda