Notícias

07/05/2018 - Notícias da FAP/MG
COBAP Viagens cancela viagem a Roma / Itália
por Cobap Viagens

07/05/2018 - A Cobap Viagens distribuiu nota, na tarde desta segunda-feira (7/5/2018), informando que foi cancelada a viagem que levaria brasileiros ao III Congresso Mundial dos Aposentados e Pensionistas, a realizar-se em Roma-Itália, de 13 a 19 deste mês.

 

Segundo a cooperativa de viagens, o cancelamento foi realizado porque a empresa contratada para emitir as passagens aéreas não honrou o contrato. O fato somente foi descoberto no dia 02 de maio último, a apenas dez dias do embarque previsto.

 

Logo que foi informada do descumprimento do contrato, a Cobap Viagens acionou seu Departamento Jurídico para tomar medidas urgentes. Também mobilizou seus diretores e funcionários para tentar adquirir novas passagens, mesmo que a custos bem mais elevados do que o previsto inicialmente. Pela exiguidade do tempo, foi impossível adquirir as passagens suficientes.

 

Assim, o cancelamento foi a última e única medida que restou à Cobap Viagens.

 

Todas as pessoas que adquiriram este pacote de viagens serão atendidas, com a máxima atenção e cuidado. Restituir os valores pagos é o mínimo a ser realizado. Muito mais do que isto, a Cobap Viagens pede todas as desculpas por erros provocados por terceiros, que impedirão esta viagem tão esperada e relevante. Iríamos participar do III Congresso Mundial e, entre outras atividades paralelas, teríamos audiência com o Papa Francisco.

 

O prejuízo financeiro da Cobap Viagens é imenso, pois vai muito além das passagens aéreas. Inclui também hospedagens, alimentação, translados, visitas e diversas outras, todas pagas antecipadamente.

 

A Cobap Viagens lamentou profundamente o cancelamento e ratificou, mais uma vez, o compromisso com o cliente, garantindo que todos os contratos terão a restituição integral.

Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.
A-     A+

Não à PEC 287

Enquete
Quais as ameças do Governo aos trabalhadores e aposentados?
Reajuste anual abaixo da inflação
Pensões e aposentadoria abaixo do Salário Mínimo
Fixar idade para aposentar aos 65 anos e subir para 75 anos
Retirar recursos próprios da Previdência para pagar dívida
Dificultar e negar pagamento de pensão por morte
Dificultar e negar pagamento de auxílio doença
Cortar investimentos em saúde, educação, segurança...
Todas as opções acima e muitas outras
Agenda